sexta-feira, 3 de julho de 2009

Prefeitura de SP combate abandono de animais

São Paulo - Animais não são objetos. A frase ilustrará a campanha de bem-estar animal anunciada ontem pela Prefeitura de São Paulo, que tem o objetivo de conscientizar os donos de pets sobre uma questão que há anos é levantada por abrigos e instituições de proteção animal: o abandono. Com um investimento de cerca de R$ 8 milhões, a Secretaria Municipal da Saúde e a Secretaria do Verde e do Meio Ambiente se uniram para criar o Programa de Proteção e Bem-Estar de Cães e Gatos (Probem).

O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) será reformado para abrigar animais com mais conforto e cuidado e será construído o Núcleo de Proteção e Bem-Estar, onde os bichos abandonados ficarão até encontrar lares definitivos. Todos os meses, cerca de cem animais recolhidos pelo Centro de Zoonoses ficam disponíveis para adoção. O núcleo deverá ser inaugurado no início do ano que vem. A Prefeitura não informou o número de animais que estão atualmente no CCZ.

O Probem prevê ainda a ampliação do programa de castração de animais domésticos. Atualmente, a Prefeitura faz 40 mil castrações por ano. A meta é chegar a 100 mil. É a primeira vez que a administração municipal realiza uma ação de grande visibilidade para diminuir o abandono de animais domésticos e melhorar o atendimento aos animais recolhidos. "Lutamos muito por uma ação da Prefeitura", diz Angela Caruso, presidente do abrigo de animais Quintal de São Francisco. "Foi uma surpresa muito boa ver que o governo se preocupou finalmente com a causa. É um salto para a cidade de São Paulo."

Para grupos e associações protetoras de animais, a conscientização é fundamental. "A falta de informação causa ignorância e a ignorância causa destruição. Com a conscientização, a gente fecha a torneira que torna os abrigos superlotados e o problema tão abrangente", declara Silvia Pompeu, fundadora do Rancho dos Gnomos, que acolhe animais. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.
http://noticias.uol.com.br/ultnot/agencia/2009/07/03/ult4469u43250.jhtm

Um comentário:

Tássia Lourenço - Texto Assessoria disse...

Cinomose Aqui Não

Milhares de cães estarão protegidos contra a Cinomose por um ano graças à campanha Cinomose Aqui Não!,uma parceria entre a Merial Saúde Animal e a WSPA (Sociedade Mundial de Proteção Animal). A empresa doou mais de 8.200 doses da vacina Recombitek® à ongs filiadas à WSPA. Cada dose representa um cão que estará imune a esta doença quase sempre fatal. Atualmente, apenas um em cada cinco cães é vacinado contra a cinomose e como os veterinários aconselham: é melhor prevenir do que remediar. Mantenha em dia a carteira de vacinação do seu animalzinho.

Mais informações www.cinomose.com.br.